20 novembro 2015

Seja de verdade, em tudo que faz:

Essa é uma nova sessão aqui do blog, meio diferente de tudo que vocês já viram por aqui, além de talvez ajudar algum de vocês será uma sessão que irá nos deixar mais leves, onde vamos poder conversar mais, espero que gostem e comentem.


Exercitar a verdade extrema sem ferir com palavras, quem aí já disse coisas que depois se arrependeu? Quem já foi ser sincero demais e acabou passando do ponto? Pois é, o tema da nosso primeiro post será esse, a calma ao falar, verdades nem sempre precisam ser ditas, muito menos com rispidez, talvez demonstrar a verdade, ou viver uma verdade em que se acredita de bom coração seja o melhor caminho. 

Trata-se de uma evolução, crescimento, exercer um freio que nem sempre se tem, e que tem que ser na medida certa para também não fazer mal a nós mesmos, certo? Palavras nem sempre são só palavras mas com toda certeza atos é que mudam tudo. Palavras que não abençoam não devem ser ditas, sei que é difícil, quase impossível, mas não custa tentar ou talvez tentar passar um dia sem falar mal de alguém, sem proferir coisas ruins, tentar passar um dia sem levar a frente informações que você não sabe se é verdade, tente não ferir. A melhor forma de reclamar por exemplo é levantar e fazer as coisas de uma forma diferente. Só falar não resolve nada.

Seja a verdade que busca nas coisas, nas pessoas, nas situações. Seja de verdade, se estiver feliz diga, se estiver triste diga, não deixe que tentem decifrar você, isso pode aumentar suas frustrações e acabar trazendo a tona as palavras ruins, que profetizam contra você e contra o outro. Que tal fazer diferente só por um dia?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fala gata!!!

Loading...
© Conversas de salão - 2016. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: Cute Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo